Seguidores

14 de dezembro de 2011

Mídias estão no centro da religião, aponta professor.

Hoje, para existir, uma instituição deve estar na mídia, a religião também, disse o professor de Estudos de Mídia da Escola de Jornalismo e Comunicação de Massa da Universidade do Colorado, Stewart M. Hoover, em entrevista ao Instituto Humanitas (IHU).

“As mídias estão agora no centro da religião e da espiritualidade contemporâneas”, afirmou o pesquisador, mencionando que as pessoas também experimentam a religião e a espiritualidade através da mídia.

As mídias digitais, então, tem a capacidade de fazer e de mudar a natureza da comunidade. As religiões institucionais, constata Hoover, “estão tendo dificuldade para se adaptar a essa nova situação”, e enfrentam o desafio à autoridade.
As religiões “não podem mais controlar a forma e os lugares em que as pessoas experimentam a religião, celebram a fé e exploram a espiritualidade”, disse.

Ele propõe que as igrejas repensem seus papéis de autoridade e façam parte de um “mercado de escolha” cultural nas esferas material e midiática. “Elas não controlam mais o mistério, que é agora algo pelo qual as pessoas se veem responsáveis”, afiançou.
 
fonte: http://www.comshalom.org/blog/carmadelio/

Nenhum comentário:

Você é o visitante n.º