Seguidores

26 de dezembro de 2011

Papa pede serenidade na Nigéria após atentados contra igrejas católicas

- O papa Bento XVI fez nesta segunda-feira um apelo pela serenidade e a segurança na Nigéria, após os atentados contra igrejas católicas cometidos no país no dia do Natal.

O pontífice expressou sua tristeza pela morte de pelo menos 40 pessoas e afirmou que a violência só causa dor. Além disso, defendeu que o respeito, o amor e a reconciliação "são os únicos caminhos para a paz".

O discurso do Papa foi feito na Praça São Pedro, diante de milhares de pessoas, na oração do Angelus. Bento XVI pediu a Deus que os atos violentos terminem e que no mundo "reine a justiça e a paz".

O pontífice, no entanto, lamentou que o sangue de inocentes continue a ser derramado. O bispo de Roma lembrou que nesta segunda-feira é celebrado o dia de Santo Estevão, considerado o primeiro mártir da igreja católica.

O Papa ressaltou que até hoje em muitas partes do mundo os cristãos "estão expostos a perseguições e inclusive ao martírio".

Neste domingo, logo após os atentados, o porta-voz do Vaticano, Federico Lombardi, condenou os ataques e expressou a solidariedade da igreja com todo o povo nigeriano.

Os atentados de ontem foram cometidos na igreja de Santa Teresa, em Abuja, capital da Nigéria, e em Jos, localidade do centro do país. 


fonte: http://noticias.bol.uol.com.br/

Nenhum comentário:

Você é o visitante n.º