Seguidores

6 de março de 2010

ESPIRITUALIDADE QUARESMAL - 3ª SEMANA.


Dando continuidade à leitura orante da Bíblia. Apresentamos as passagens que vão nos orientar nessa terceira semana.

3.ª Semana da Quaresma

“Viver a Palavra – o rosto da Palavra (Jesus Cristo)”

Durante este tempo da Quaresma somos chamados a viver, em unidade, a leitura orante da Palavra de Deus.

Já estamos caminhando juntos há duas semanas. Nas duas primeiras semanas, realizamos a leitura do Livro de Neemias. Dois pontos foram trabalhados: “reconstruir as muralhas” e “edificar a Igreja – Casa da Palavra”.

Nesta terceira semana vamos mergulhar no tema “Viver a Palavra – o rosto da Palavra”. Segundo a declaração final do sínodo sobre a Palavra de Deus, um dos títulos contempla a expressão “o rosto da Palavra: Jesus Cristo”. Nosso objetivo principal é nestes dias entrar em intimidade com a Boa Nova de Jesus Cristo: o Evangelho que antes de ser Palavra escrita foi vivido por Jesus Cristo. Aqui está o objetivo da semana: ler a Palavra, meditá-La e vivê-La para mostrar ao mundo, em nossas ações, o Rosto da Palavra: Jesus.

Vamos acolher o que diz o livro de Deuteronômio: “Muito perto de ti está a Palavra, está na tua boca e no teu coração, a fim de que a ponha em prática” (Deut. 30,8); E também o livro de Ezequiel: “Filho do homem, todas as palavras que te digo, receba-as no teu coração, escuta com os ouvidos grandes e abertos” (Ez 3,10).

Com este tema, temos o convite para agir conforme a Palavra nos ensina. Quero ressaltar mais uma vez que não vamos fazer estudo da Palavra; vamos ler, orar e ajustar nossa vida ao que Jesus ensina.

“Unidos pela Palavra, reconstruiremos as muralhas”. Firmes, nesse propósito, vamos, nesta semana, com a leitura dos capítulos do Evangelho de Jesus Cristo segundo São João “Viver a Palavra – o rosto da palavra (Jesus Cristo)”.

Lucimar Mazieiro
Coord. Comissão Nacional de Formação

Domingo - 07/03/2010

Iniciamos a leitura do Evangelho segundo São João. Hoje, na leitura do primeiro capítulo, nos detemos em três pontos: o Verbo Divino; o testemunho de João Batista e o encontro com os primeiros discípulos.

I – O Verbo Divino – “O Verbo se fez carne e habitou entre nós” (Jo 1, 14). A Palavra eterna e divina entra no espaço e no tempo, toma rosto e assume a identidade humana.

II – Testemunho de João Batista – João Batista é o precursor de Jesus Cristo, aquele que anuncia o Senhor, que prepara o caminho do Senhor. Ele dá testemunho.

III – Encontro com os primeiros discípulos – hoje, tomando esta parte do capítulo, vamos retornar ao dia que nos encontramos com o Senhor. É interessante perceber que os dois discípulos que seguiam Jesus estavam com João Batista e ao ouvi-Lo dizer “eis o Cordeiro de Deus” seguiram-No. Vamos recordar aqueles que nos anunciaram Jesus e nos apresentaram a Ele. Independentemente onde estas pessoas estejam, vamos louvar a Jesus por elas, pois nos apresentaram o mestre.

Outro ponto: os dois discípulos ouviram e decidiram segui-Lo. A decisão de seguir Jesus é sempre pessoal. Você, ao ouvir falar de Jesus e vê-Lo em sua vida tomou a decisão de segui-Lo.

No seguimento a Jesus, os discípulos conversaram com Ele querendo saber onde Ele morava. E Jesus responde: “Vinde e vede”. A atitude deles é a mesma que a nossa. Queremos saber onde é a casa de Jesus. Ao ir e ver, apresentamos o caminho a outros. Ele nos faz o convite, mas a decisão é sempre pessoal.

É, através, deste encontro pessoal com Jesus Cristo que tomamos a decisão de segui-Lo, de ficar com Ele, de nos colocarmos aos Seus pés e querer que outros venham conhecê-Lo. Isso, meus irmãos, é viver a Palavra, porque ao experimentar, sentimos o gosto: gostamos e queremos que outros experimentem também.

Aproveite este dia para fazer memória do seu encontro com Jesus. Aquele que marcou sua história de conversão. Louve a Jesus por tudo, conforme o Espírito Santo te inspirar. O Senhor, hoje, vai atualizar nosso chamado, nosso encontro pessoal com Ele. Escreva no final o que te marcou neste dia.

Segunda-feira - 08/03/2010

A leitura do dia é: João 2 (capítulo inteiro). Temos dois trechos muito conhecidos: o primeiro, as Bodas de Cana e, o segundo, a passagem que narra Jesus expulsando os vendilhões do templo de Jerusalém. É importante ler o capítulo todo. Vamos refletir um pouquinho sobre alguns versículos em oração, para que a Palavra provoque um verdadeiro milagre em nossa vida.

Versículo 3: “Eles já não têm vinho”. Neste dia vamos abrir nossa casa para receber convidados tão ilustres. Sejamos transparentes diante de Jesus e Maria. Deixemos Nossa Senhora olhar as áreas de nossa vida. Ela é “mãe”. Permitamos que Ela apresente a Jesus o que esta faltando em nossa vida. Vamos aproveitar e contar a Ela o que sentimos que esta acabando.

Versículo 5: “Fazei o que Ele vos disser”. Nossa Senhora nos ensina a fazer o que Jesus nos pede, nos ordena. O milagre aconteceu, mas antes foi preciso que os serventes obedecessem o comando de Jesus. Como será que ficou a expressão dos serventes quando viram que a água se transformou em vinho?

Por intercessão de Nossa Senhora, Jesus pode fazer milagres em nossa vida, na vida de nosso Grupo de Oração. Quais são as situações que precisam de milagres? Vamos orar, acreditando que Jesus vai realizar o milagre.


Terça-feira - 09/03/2010

A leitura do dia é: João 3,1-36. Notemos que Jesus conversa com Nicodemos e as palavras de Jesus vão deixando marcas na vida de Nicodemos e também daqueles que acolhem o novo testemunho de João Batista.

Nesta semana, estamos caminhando desejosos de “viver a Palavra”, esta Palavra que tem um “Rosto” que é “Jesus Cristo”. Falamos do que sabemos, “Jesus transmite o que viu junto ao Pai. As palavras e os ensinamentos do Pai. Jesus é a Palavra. Palavra eficaz: por Ele tudo foi tirado do nada; os mortos saem do túmulo; os homens são vivificados, purificados. Há somente uma condição para o homem: crer na Palavra, permanecer Nela, guardá-La, seguir o seu mandamento de amor. Quanta riqueza em um capítulo!

Peçamos, hoje, ao Espírito Santo que nos leve a nascer do alto... nascer de novo... que renove em nós o amor pela Palavra. Que a Palavra de hoje nos vivifique; por isso, ao orarmos, vamos pensar em todas as áreas de nossa vida.

Quarta-feira - 10/03/2010

A leitura do dia é: João 4,1-42. Dando sequência ao nosso propósito de “viver” a Palavra, percebemos que ao atualizar em nossa vida os trechos do Evangelho de São João, existem algumas partes, que até já sabemos de cor. O trecho da Samaritana é um deles. No entanto, o que há de novo neste encontro para nós?

Queridos, após essa conversa, esta mulher Samaritana - vale lembrar que judeus e samaritanos não se relacionavam - nos mostra que Jesus tomou a iniciativa na conversa, além disso, Ele estava à espera dela.

Irmãos, o Senhor espera aqueles que são seus, que o Pai lhes deu. Toda vez que Jesus estabelece um diálogo conosco, Ele é regado de verdade. É tão profundo e marcante que chega ao mais profundo do ser de uma pessoa. No caso da conversa com a Samaritana, isso fica bem claro porque Jesus alcança na conversa o ponto que precisa ser trabalhado, o seu ponto mais fraco. Ao dialogar conosco, Jesus atinge nossas feridas, as marcas que trazemos em nosso interior, sem se escandalizar, nos amando, porque sabe e conhece toda nossa história.

Como se trata de um diálogo: Jesus fala e a Samaritana também!

Hoje, vamos estabelecer um diálogo com Jesus. Vamos até Ele, que está nos esperando. Não vamos ter receios de nos aproximarmos Dele. É através de experiências como essas que, depois, traremos outras pessoas para, também, se encontrarem com Ele.

Vamos conversar com Ele sobre nossa vida pessoal e também comunitária. Apresentemos a Ele as coisas que foram ficando acumuladas, talvez mal resolvidas no fundo do poço de nossa história, de nosso Grupo de Oração.

Quinta-feira - 11/03/2010

A leitura do dia é: João 4, 43-54. Hoje, na cura do filho de um oficial, Jesus volta para Galiléia onde realiza o primeiro milagre.

Vamos voltar à leitura no versículo 50: “O homem acreditou na palavra de Jesus e partiu”. Em quantas palavras já meditamos até hoje? Falo não só neste tempo da Quaresma. Me refiro as palavras refletidas desde que estamos em contato com a vida cristã. Quantas palavras já nos foram anunciadas? Veja bem, hoje, o oficial (um pai) vai até Jesus pedindo por cura. Ele acreditou na Palavra de Jesus: “Vai, teu Filho está bem!”. Não foi preciso nem o “toque”, bastou a Palavra.

Coloquemo-nos no lugar deste pai, que se encontrou pessoalmente com Jesus. Você sabe que Jesus está em sua cidade, em sua casa, em seu Grupo de Oração. Ele já transformou água em vinho. Vamos até Ele, passemos pelas situações de enfermidade em nossa saúde, nosso emocional, nossa vocação. Peçamos pelos nossos Grupos de Oração, nossa família. Apresentemos aquelas pessoas que estão em risco, tanto por doenças físicas, quanto espirituais.

Vamos orar na certeza de que Jesus pode realizar milagres.

Sexta-feira - 12/03/2010

A leitura do dia é: João 5,1-18. O relato do Evangelho nos mostra Jesus curando um paralítico. O texto diz que havia um tanque chamado Betesda (Casa de Misericórdia). Nos pórticos do tanque, ficavam diversos enfermos, com diferentes tipos de enfermidades. Jesus vai nos mostrar que Ele é o verdadeiro médico, Aquele que dá e restitui a vida do corpo e da alma.

Por outro lado, aquele paralítico esperava que alguém o colocasse na água. O versículo seis nos mostra que a iniciativa foi de Jesus. Ele se dirige ao paralítico e o deixa decidir se quer ou não ser curado. Leia novamente os versículos sete e oito. A ordem de Jesus é para que ele “levante, tome o leito e ande”. A cura acontece no mesmo instante. É mais um milagre que se deu, porque se acolheu a voz, a ordem de Jesus.

Viver a Palavra é, em primeiro lugar, acolher a Palavra. Essa Palavra que realiza milagres e nos coloca no caminho de conversão.

Vamos olhar mais uma vez para nossa história. Há quanto tempo você está parado, esperando que alguém te leve ao tanque? Da mesma forma que esperamos alguém para nos levar, cobramos ou colocamos a culpa nas pessoas, por situações de enfermidades em que vivemos.

Quais são as causas que nos fizeram parar na caminhada, na vocação, ou no relacionamento? Onde nós paramos?

O Senhor vem até nós e pergunta se queremos milagres nessas situações.

Ore com esses versículos. Vamos incluir nessa oração toda situação na qual percebemos estarmos acomodados. Lembre-se de tudo que rezamos até agora. Principalmente o que precisa ser mudado na vida do seu Grupo de Oração.

Lembre-se de dois pontos: Jesus curou o paralítico e o ordenou que levasse seu leito. Isso significa que Jesus nos cura, mas não tira a nossa história. Ele a transforma.

Sábado - 13/03/2010

Vamos concluir esta semana na qual refletimos sobre o tema “Viver a Palavra – o rosto da Palavra (Jesus Cristo)”, com João 6, 22-71. Esta passagem é muito conhecida por todos nós. Mas sabemos que hoje o Espírito Santo quer ampliar nosso amor para com ela, por isso vamos pedir que Ele nos dê essa visão ampliada.

Certos de sermos conduzidos pela sabedoria do Alto, vamos realizar esta leitura, vendo nela o rosto de Jesus. Depois de ler, grifaremos os versículos que nos chamaram a atenção e vamos refletir um pouco.

Partilho com você alguns pontos elencados no rodapé da Bíblia Jerusalém. Jesus tem o selo da marca do Espírito Santo com o qual o Pai o marcou. Este é o selo que garante o poder de Deus para realizar sinais. Na palavra, Jesus nos mostra que o verdadeiro alimento é Sua carne e Seu sangue, fonte da vida eterna. Ele é o verdadeiro pão, figurado pelo Maná e pelo pão da multiplicação. Ele convida os homens ao seu banquete. Os que se alimentam Dele recebem o pão que sacia a fome. Jesus é o verdadeiro pão, como vítima oferecida em sacrifício para a vida do mundo. O homem se alimenta do Verbo feito carne. A Eucaristia comunica a vida que o Filho recebe do Pai. Só o Espírito Santo pode nos fazer compreender esse mistério.

Irmãos, neste dia, podemos louvar a Deus porque somos alimentados por um alimento que realmente sacia a nossa fome.

Louve a Deus pelas experiências que você já teve com a Eucaristia. Louve porque hoje o Espírito Santo está trabalhando em nossa vida, aumentando em nós o amor pela Eucaristia. Porque, além de nos alimentarmos pela Palavra, nós temos o Corpo e o Sangue de Jesus que nos fortalecem para viver esta Palavra que nos é anunciada.

Aproveitemos este dia e façamos um momento de adoração ao Santíssimo, vamos ver o rosto de Deus no Verbo que se fez carne e habitou entre nós e se faz alimento para nossa vida. Separe alguns minutos de seu dia para adorar Jesus Cristo.

Fonte: http://www.rccbrasil.org.br/noticia.php?noticia=5974

Nenhum comentário:

Você é o visitante n.º